Chamada para a rede fixa nacional

Chamada para rede móvel nacional

Entendendo a Posição Terapêutica: Estratégias Eficazes em Psicologia Infantil e Juvenil

Partilhe este Artigo

Explore o impacto das posições terapêuticas na psicologia infantil e juvenil com a Sintricare – Clínica de Psicologia. Este vídeo revela como a posição do terapeuta — ao lado, à frente ou atrás — pode influenciar o processo terapêutico e auxiliar no desenvolvimento emocional e psicológico das crianças e jovens. Aprenda sobre a dinâmica da terapia e como ajustar a abordagem para melhor atender às necessidades do cliente.

 

Na Sintricare – Clínica de Psicologia, a posição que um terapeuta escolhe durante as sessões pode significativamente influenciar o progresso terapêutico dos seus clientes. Os nossos especialistas em psicologia infantil e juvenil utilizam uma abordagem dinâmica para optimizar o suporte oferecido a cada cliente.

 

Importância Estratégica da Posição Terapêutica

A posição terapêutica envolve mais do que a proximidade física; reflete uma estratégia deliberada para criar um vínculo terapêutico efetivo com o cliente:

  • Ao Lado: Simboliza parceria e apoio, reafirmando ao cliente que ele não está sozinho.
  • À Frente: Usada para guiar e mostrar o caminho, essencial quando se trabalha com jovens que buscam modelos de comportamento.
  • Atrás: Emprega-se para encorajar e motivar, permitindo ao cliente tomar a iniciativa, reforçando a sua independência e confiança.

 

Flexibilidade e Adaptação na Terapia

Os nossos terapeutas são treinados para adaptar as suas posições baseadas nas necessidades individuais dos clientes, um aspecto crucial especialmente ao trabalhar com crianças e adolescentes. Esta flexibilidade permite uma resposta mais personalizada e eficaz, facilitando um ambiente terapêutico que promove o crescimento pessoal e o desenvolvimento.

 

A Ligação com as Crianças

A Diretora Clínica da Sintricare, Dra. Cristina Santos, destaca que é natural estar com uma criança e que este contacto se parece com um entendimento de almas. Não é descer ao nível das crianças, mas reconhecer a sua grandiosidade e verdade. As crianças desafiam-nos e refletem as nossas próprias histórias, exigindo uma presença completa e genuína. Elas percebem quando estamos realmente presentes e quando estamos distraídos, algo crucial para uma relação terapêutica eficaz baseada na verdade e atenção plena.

 

Desafios e Responsabilidades dos Terapeutas

Atender crianças e jovens requer uma flexibilidade de pensamento e plasticidade para interpretar os seus movimentos, comportamentos, palavras e olhares. Ao contrário dos adultos, as crianças nem sempre sabem por que estão em terapia, o que exige dos terapeutas uma abordagem intuitiva e sensível.

A relação terapêutica com crianças é muito mais dinâmica e requer uma atenção constante. Cada movimento, comportamento ou palavra deve ser cuidadosamente interpretado, e o terapeuta deve estar pronto para intervir e abrir novos caminhos quando necessário.

 


Conheça mais de perto a abordagem da Sintricare

Este vídeo destaca técnicas terapêuticas fundamentais mas também serve como uma ferramenta educativa para terapeutas, educadores e pais interessados em entender como diferentes abordagens podem impactar a terapia. Esperamos que este vídeo tenha enriquecido a sua compreensão sobre as posições terapêuticas e sua importância na psicologia infantil e juvenil.

Para descobrir mais sobre psicologia infantil e técnicas terapêuticas eficazes, visite a nossa Clínica de Psicologia em Sintra, o nosso site em https://sintricare.com.pt (onde também poderá marcar consultas online)  e inscreva-se no canal da Sintricare para mais atualizações educativas.

O cerne do nosso trabalho é considerar cada ser como individual, único e irrepetível.

plugins premium WordPress
× Podemos ajudar?